A importância do Sindicato

Um Sindicato forte e atuante significa uma categoria de trabalhadores capaz de enfrentar, em pé de igualdade, a intransigência que o patronal costuma jogar sobre a mesa de negociações em cada campanha salarial, não querendo conceder reajustes dignos e tentando, de todas as formas, retirar ou reduzir conquistas históricas dos trabalhadores.
E este é apenas um dos muitos momentos em que a importância do Sindicato na relação capital/trabalho salta aos olhos, quando, numa negociação, consegue fortalecer a luta dos trabalhadores por ele representados, fazendo prevalecer a justiça sobre a mesquinhez com a qual a grande maioria dos empregados são tratados quando reivindicam melhores salários, o cumprimento da Convenção Coletiva ou quaisquer outros direitos.
Neste período de recessão econômica que o País atravessa, com juros altos, crédito caro, inflação, empresas fechando suas portas e uma taxa de desemprego que alcança a casa dos doze milhões de desempregados, só a união dos trabalhadores, capitaneados pelos Sindicatos e pelas Centrais Sindicais, pode fazer com que este quadro regrida e o País volte a crescer e desenvolver-se.
São os representantes dos Sindicatos que se sentam com os patrões, equiparando forças antagônicas, e negociam aumentos salariais, saúde e segurança nos locais de trabalho, PLRs etc. Que fazem, enfim, com que trabalhadores e trabalhadoras sejam respeitados e tratados com dignidade. São eles que, unidos, mobilizam o conjunto de trabalhadores quando empresários ou governo querem reduzir seus gastos à custa do corte de direitos trabalhistas ou previdenciários.
A importância de um Sindicato de trabalhadores, em suma, é ser o idealizador, o representante e o porta-voz daqueles que, verdadeiramente, constroem a riqueza do País. Sem a retaguarda de um Sindicato atuante, voltado efetivamente à defesa de direitos adquiridos e buscando, sempre, a obtenção de novas conquistas, os trabalhadores acabam tornando-se presas fáceis para a ação predatória dos maus patrões.

Juntos somos mais fortes!

Paulo Pereira da Silva -Paulinho

Presidente da Força Sindical e deputado federal

siga-nos