Auxílio-acidente paga 50% do salário para segurados

Trabalhadores que ficaram com sequelas após doenças ou acidentes, seja eles de trabalho ou domésticos, têm direito a receber o auxílio-acidente, que concede uma indenização de 50% de um dos melhores salários registrados desde 1994.
 
A ação é bem avaliada pelo presidente do Sintracon-SP, Ramalho da
Construção, que vê a medida como essencial para os trabalhadores que têm limitações para exercer suas tarefas.
 
“Elogio este auxílio porque conheço muitos companheiros da construção civil que, infelizmente, sofreram acidentes no ambiente de trabalho e tiveram seus salários reduzidos, pois deixaram de exercer as atividades que faziam antes. Contudo, a medida é fundamental para diversos trabalhadores, principalemte do setor que represento. Agora, esperamos que o trâmite para conseguir o benefício não seja cansativo para a população”, salienta Ramalho.
 
Quem tem direito?
 
Podem receber o auxílio funcionários com carteira assinada; trabalhadores contratados por um sindicato ou entidade; e trabalhadores rurais em regime de economia familiar.
 
Como conseguir?
 
É necessário fazer a solicitação durante a perícia do auxílio-doença, onde o médico libera o beneficiário a voltar ao trabalho ou, então, agendar um pedido pelo telefone 135. Para quem preferir, pode entregar, também, uma carta em algum posto do INSS, solicitando o benefício e a perícia. Caso o pedido seja negado, é recomendado guardar todos os laudos do período do afastamento para, posteriormente, entrar com uma ação judicial.

siga-nos