fbpx

Covid-19: Sintracon-SP pede prioridade na vacinação para operários da construção civil

Imagem: Sintracon-SP

Publicado em 10/06/2021

Antonio de Freitas Pereira, o Toninho, secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de SP, participou, nesta quinta-feira (10), de um encontro com o vice-governador do Estado, Rodrigo Garcia (PSDB), na sede da central Força Sindical.

Na ocasião, representando o presidente da entidade, Ramalho da Construção, que passa por um procedimento médico, Toninho, pessoalmente, solicitou ao Governo do Estado prioridade no processo de vacinação contra a covid-19 para os trabalhadores da construção civil.

A iniciativa aconteceu, pois o Sindicato avalia como indispensável a vacinação imediata da categoria, que não parou um dia sequer durante a quarentena, colocando vidas dos trabalhadores e de seus familiares em risco diário.

O vice-governador atendeu Toninho e afirmou que iria avaliar com a equipe do Governo do Estado a solicitação dos operários da construção civil.

Pandemia

Atualmente, de acordo com o consórcio de veículos de imprensa, o Brasil se aproxima de 480 mil mortes por Covid-19, com 2,4 mil registradas nas últimas 24 horas.

Só no Estado de São Paulo, são registradas 116 mil mortes causadas pelo vírus e 651 nas últimas 24 horas.

Terceira onda

A solicitação do Sintracon-SP para o Governo vem antes da tão temida terceira onda do vírus em São Paulo. Embora haja uma flexibilização em setores importantes do Estado, a região registra 24,5 mil pacientes internado por Covid-19, sendo 11,1 mil em leitos de UTI e 13,3 mil em enfermaria.

“Como nossa categoria foi avaliada como setor essencial para a economia do Brasil e não parou nenhum dia da quarentena, reivindicamos a vacinação para proteger nossos trabalhadores em um dos piores estágios da pandemia. Precisamos protegê-los, também, da terceira onda”, comentou, Toninho, durante a reunião.

 

 

 

siga-nos