Governo pretende criar 70 mil vagas para a construção civil

Durante o lançamento da Produlote (linha de crédito divulgada pela Caixa Econômica Federal que destina R$ 1,5 bilhão para obras de loteamento urbano), na terça-feira, 8, o presidente da República, Michel Temer (PMDB), prometeu combater o desemprego investindo na construção civil.
 
O presidente do Sintracon-SP (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de São Paulo), Ramalho da Construção, vê a medida como necessária para o atual cenário do País.
 
“A construção civil é o principal canal que temos para estimular o emprego no País, até pelo simples motivo de exigir muita mão de obra. Portanto, o Governo vai acertar, se de fato investir em nosso setor. Precisamos de uma medida como esta neste momento, há muita gente desempregada”, ressalta Ramalho.
 
Investimento
 
Com o incentivo de R$ 1,5 bilhão, o Governo Federal pretende criar 70 mil oportunidades de emprego no setor da construção civil em todo território nacional. De acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no primeiro trimestre de 2017, 14,2 milhões de pessoas estavam desempregadas no Brasil.

siga-nos