Irregularidades de R$ 2,5 bilhões no Bolsa Família

É mutreta para todo lado. Tenho a impressão de que o PT não suporta mínima auditoria. Um levantamento do Ministério Público Federal, acaba de identificar irregularidades das grossas em pagamentos e perfis dos beneficiários do Programa Bolsa Família entre 2013 e 2014, que somam R$ 2,5 bilhões.
Todos sabem que o Bolsa Família é a menina dos olhos de Dilma Roussef. Através dele, cantava-se e decantava-se a inclusão social. Pois bem. Como se explica tal barbeiragem? É de natureza administrativa ou política?
Segundo dados da Câmaras Criminal e de Combate à Corrupção do MP, as inconsistências abrangem 1,4 milhão dos beneficiários, entre titulares e suas famílias.
Foram encontrados saques realizados por pessoas já falecidas e indivíduos sem CPF. Também foram apontados problemas em benefícios para servidores públicos com família de menos de quatro pessoas, doadores de campanha em valores superiores ao recebido no programa, proprietários ou responsáveis por empresas ativas.
Trata-se de um entulho composto por interesses desprezíveis daqueles que fazem da política arte de saquear o povo brasileiro. Mais um. Apenas mais um.

Ramalho da Construção
Sindicalista e deputado estadual pelo PSDB-SP

siga-nos