Todos contra o mosquito Aedes Aegypti

Prestação de serviços e auxílio ao trabalhador é o lema do Sintracon-SP. Na manhã do dia 18 de março no auditório da sede da entidade, o Sindicato realizou um mega evento para mais de 700 trabalhadores.

mosquito 2
O objetivo foi informar e conscientizar companheiros de diversos setores sobre os cuidados que devem ser tomados em relação ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika. Estiverem presentes na cerimônia diversas lideranças sindicais e autoridades do Estado.
A mesa de cerimônia foi composta pelo Presidente do Sintracon-SP e Deputado Estadual pelo PSDB Ramalho da Construção, pelo Coronel José Roberto Rodrigues de Oliveira Coordenador Estadual da Defesa Civil e Chefe da Casa Militar, Miguel Torres Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Haruo Ishikawa Vice-Presidente do SindusCon-SP.
Além deles, o evento contou com a presença do Presidente da FEQUIMFAR Sérgio Luiz Leite, do Dr. José Roberto Falcão Bauer, Diretor Técnico do Grupo Falcão Bauer, o Vereador de Diadema Atevaldo Leitão, a Presidente de Honra do PSDB Adriana Ramalho e o Diretor Executivo do Sindnapi Donato Rodrigues.
O Coronel José Roberto Rodrigues ministrou a palestra a todos os convidados convocando a cada um dos presentes a se unirem e se conscientizarem para reverter este quadro grave.
“Em relação ao combate do mosquito, 95% das ações contra o agente deve ser feito pela própria população, pois com nossas próprias mãos podemos retirar todos os focos de procriação dele. A informação é o melhor caminho para entendermos o problema e solucioná-lo”, disse o Coronel.
O Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos Miguel Torres parabenizou a iniciativa do Sindicato e convocou os companheiros para lutar e divulgar estas informações, pois há vários lugares que necessitam deste tipo de trabalho.
“Nós somos mais fortes que este mosquito, temos que nos unir e informar, tenho receio das crianças nas escolas, pois até agora este trabalho não tem sido feito dentro das escolas. O que coloca nossos jovens em risco”, enfatizou Miguel.
Haruo Ishikawa Vice-Presidente do SindusCon-SP foi emblemático, colocando o mosquito Aedes Aegypti como principal inimigo da saúde pública mundial atualmente.
“A pior coisa que está acontecendo no mundo hoje é a falta de conhecimento sobre este mosquito, isso acarreta um déficit muito grande em nosso país, são prejuízos incalculáveis, temos que reagir”, ponderou a autoridade.
Adriana Ramalho considerou o momento como algo muito mais importante do que uma palestra, segundo a Presidente de honra do PSDB essa é uma oportunidade perfeita para unir forças e colocar um fim neste problema.
O Secretário Geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, o Juruna, ainda ressaltou que é um dever ainda maior dos países com clima temperado, como é o caso do Brasil, tomar a iniciativa no processo de conscientização da população nesta batalha, uma vez que, o mosquito se prolifera mais neste tipo de clima.
Ao final da palestra, o Presidente do Sintracon-SP Ramalho da Construção disse que a palestra é só o pontapé inicial de uma verdadeira força tarefa entre todas as centrais e sindicatos.
“A ideia é realizarmos diversos mutirões, distribuição de materiais, fiscalização e orientação dos nossos companheiros sobre este problema, não dá mais para ficar nesta situação. Perder para este mosquito é o fim da picada”, finalizou Ramalho.
A partir deste evento, o Sintracon-SP irá realizar diversos movimentos de conscientização nos canteiros de obras, com distribuição de boletins informativos e visitas monitoradas nos locais com maior probabilidade de proliferação do Aedes Aegypti.

 

siga-nos