Trabalhador paga calote do governo

Venezuela e Moçambique receberam mais de R$ 1 bilhão de empréstimo do Brasil, que, como se sabe, é um país rico, de primeiro mundo, sem problemas sociais e com taxa zero de desemprego…
Pois bem. Venezuela e Moçambique não vão pagar a conta. Mas, quem liga para dinheiro numa terra onde 90% das famílias ganha até dois salários mínimos, certo?
Diante de fatos tão contundentes, o Senado brasileiro acaba de aprovar que o bilhão sairá do FAT, o Fundo de Amparo ao Trabalhador.
O FAT nada mais é do que uma verba da classe trabalhadora para pagar o seguro desemprego. Afinal, porque se preocupar com ela numa pátria onde posto de trabalho em se plantando dá…
Ou seja: os mesmos senadores que criminosamente aprovaram a reforma trabalhista, retirando direitos e criando situações análoga à escravidão, estão bancando a conta. E o povo, pagando o pato.
Uma vergonha!!!
Ramalho da Construção
Presidente do Sintracon-SP

 

 

siga-nos